Uruguaiana
Jornal de Hoje

PCdoB oficializa candidatura de Manuela D'Ávila a presidente

03 Agosto 2018 14:11:00

Gabriela Barcellos

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) realizou na quarta-feira, 1º/8, sua convenção nacional e confirmou a candidatura da deputada estadual gaúcha Manuela D'Ávila à presidente da República.

A convenção ocorreu na Câmara dos Deputados, onde Manuela já teve assento. Em seu discurso, Manuela defendeu a unidade dos candidatos considerados de esquerda. Durante a entrevista concedida logo depois, foi questionada sobre a possibilidade de concorrer a vice em uma chapa encabeçada por candidato de outro partido. "A nossa candidatura, desde que foi colocada em 18 de novembro, sempre defendeu a unidade do nosso campo político. Fizemos um conjunto de apelos públicos e ainda temos algum tempo. Se surgir alguma novidade nesse sentido, seguimos entusiastas", afirmou.

Nas últimas sete eleições presidenciais, desde 1989, o PCdoB integrou a coligação encabeçada pelo PT e apoiou como candidatos os petistas Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.

A candidata também defendeu a liberdade de Lula durante o evento e chamou a prisão do petista de o ponto mais alto de uma perseguição. "Lula está preso porque lidera as pesquisas. Lula está preso porque, solto, venceria as eleições. Nossa candidatura sempre carregou o Lula Livre, porque não queremos só a liberdade dele, queremos fazer valer a Constituição. Eu sou candidata porque nós acreditamos na necessidade de, durante os próximos 60 dias, não baixarmos a bandeira da defesa da liberdade de Lula, preso injustamente por esse estado de exceção", disse.

Sobre um vice, Manuela afirmou que deve esperar até o fim do prazo para a definição. "O vice também estamos discutindo internamente. Vamos esperar o limite", disse.


Quem é ela

Jornalista por formação, a candidata foi vereadora em Porto Alegre por dois mandatos consecutivos. Também por duas vezes disputou a Prefeitura da capital. Foi deputada federal por dois mandatos e, na eleição de 2014 elegeu-se deputada estadual, apoiando o ex-judoca João Derly, que foi eleito para a Câmara Federal.


Propostas

Entre as propostas que apresentou durante o discurso, Manuela disse que quer: realizar referendo com objetivo de revogar a reforma trabalhista; realizar reforma tributária que isente os mais pobres de pagar tantos impostos; onerar atividade especulativa, taxar juros e dividendos; realizar reforma da segurança pública; fazer valer o Plano Nacional de Educação aprovado pelo Congresso; retomar o crescimento da economia de maneira sustentável; e preservar e fortalecer o Sistema Único de Saúde (SU

Imagens

Jn-CIDADE-selo-M&M.jpg

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados | Suita Sistemas.