Uruguaiana
Jornal de Hoje

GERAL

42ª Feira do Livro de Uruguaiana acontece de 1º a 9 de dezembro

10 Outubro 2018 13:45:00

Com o tema 'Um livro empodera a sua vida', o evento acontece de 1º a 9 de dezembro

Larissa
Foto: Ascom/PMU

Aconteceu na última segunda-feira, 8/10, o lançamento oficial da 42ª Feira do Livro de Uruguaiana, no foyer do Teatro Municipal Rosalina Pandolfo Lisboa. Com o tema "Um livro empodera a sua vida", o evento acontece de 1º a 9 de dezembro, nas alamedas Praça Barão do Rio Branco.

Durante o lançamento foi conhecida a Patronesse desta edição, Eleonora de Medeiros, uruguaianense, pedagoga, escritora e contadora de histórias. Eleonora é autora dos livros infantis: "Luzia, A Gatinha Pretinha", "A Princesa Escabelada e o Galante Vendedor de Pentes" e "Uma Colcha para Cobrir o Mundo".

A Associação Cultural Arte e Letra (ACAL) e a Secretaria de Esporte, Lazer e Cultura/Diretora de Cultura realizaram uma homenagem a Gilberto Ferreira Oliveira, livreiro e empresário de Uruguaiana que faleceu neste ano.

Por recomendação da Academia Uruguaianense de Letras, a organização da Feira deste ano vai homenagear o advogado e escritor Vilson Ferreto, o mais antigo membro da academia. Vilson Ferreto é autor de "Anotações de Meu Diário (2016)" e de "Chuveiro de Versos e outros Escritos (2018)".

O cargo de xerife será ocupado por Gilberto Ferreira Oliveira Junior. De acordo com o diretor de cultura, Ricardo Peró Job, foram excelentes escolhas para o evento. Ferreto fez parte da primeira Academia de Letras Uruguaianense que se extinguiu nos anos sessenta e foi um dos fundadores da atual. Advogado atuante, professor e ex-vereador, destaca-se com sua obra jurídica, "Contratos Agrários: Aspectos Polêmicos", "O Crime do Dentista - um caso de júri" e mais recentemente com o livro de memórias "Anotações de Meu Diário - um Lema: Hei de Vencer. Eleonora de Medeiros pertence à nova geração de escritores da fronteira oeste, possuindo destaque estadual como autora de livros infantis e contadora de estórias.

"Julgamos representados nestas escolhas a memória e o futuro da literatura de nosso município", afirmou o Diretor de Cultura.

"Ser patrona da Feira de Uruguaiana, da minha cidade, é uma grande honra! Existem lugares que identifico como portais, que despertaram meu desejo literário, lugares cativantes como a Branca de Neve na Praça do Barão, a antiga Biblioteca e Museu, a Pastoril e seus bosques encantados, Formosa e Cantão, recantos do Rio Uruguai. Sou muito grata a este convite", comentou Eleonora de Medeiros.

A 42ª Feira do Livro de Uruguaiana é uma realização da Prefeitura Municipal de Uruguaiana, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Cultura/Diretora de Cultura, ACAL e Fecomércio RS/SESC.

Imagens

Jn-CIDADE-selo-M&M.jpg

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados | Suita Sistemas.